Portal da Cidade Foz

Paraguai

Prefeito de Ciudad del Este busca reunião no Brasil pela abertura da fronteira

A Ponte da Amizade, principal ligação entre os dois países, está fechada desde o dia 18 de março, para conter a transmissão do coronavírus.

Postado em 06/07/2020 às 15:02

(Foto: Divulgação)

(Foto: Portal da Cidade/Reprodução)

O prefeito de Ciudad del Este, Miguel Prieto, vem tentando de todas as maneiras uma alternativa para que a Ponte Internacional da Amizade, principal ligação entre o Brasil e o Paraguai, seja reaberta. Uma delas é uma possível reunião, ainda não confirmada, envolvendo tanto o prefeito de Ciudad del Este, quanto o de Foz do Iguaçu, Chico Brasileiro, além do governador do Paraná, Ratinho Júnior.

A reportagem do Portal da Cidade entrou em contato com Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Foz do Iguaçu, que confirmou o pedido de reunião, mas que ainda não havia informação do local e nem a data, já que o prefeito de Ciudad del Este buscava se reunir também com o governador de Alto Paraná, província onde está localizada Ciudad del Este, e o governador do Paraná. Uma conversa entre o prefeito e o ministro do Interior Euclides Acevedo já teria ocorrido. Vale lembrar que questões de fronteira são tratadas na esfera federal, com os governos estaduais e municipais tendo pouca influência em decisões dessa parte.

Caso a reunião de fato ocorrer, Miguel Prieto pretende propor uma reabertura gradual da Ponte da Amizade, para que as pessoas comecem a trabalhar cuidando de todos os protocolos sanitários levantados pelo governo paraguaio. “Se não abrirmos a Ponte da Amizade, isso vai piorar e talvez Ciudad del Este não se recupere economicamente, procuraremos uma maneira consensual ou um mecanismo para uma reabertura gradual da ponte da amizade para que as pessoas comecem a trabalhar”, declarou o prefeito da cidade paraguaia.

Até o dia 5 de julho, o Paraguai havia confirmado 2.427 casos de covid-19, com 20 mortes e 1.166 recuperados. É um dos países da América do Sul com menos casos confirmados da doença.  


Fonte:

Deixe seu comentário