Portal da Cidade Foz

Destruição

Receita Federal destrói 112 mil caixas piratas de TV por assinatura

Um estudo aponta que a pirataria de TV por assinatura provoca uma perda de R$ 9 bilhões por ano no Brasil.

Postado em 05/06/2019 às 19:55 |

(Foto: Divulgação / Receita Federal)

A Receita Federal de Foz do Iguaçu chegou nesta quarta-feira (5) à marca de 112 mil decodificadores piratas de TV paga destruídos, depois de apreendidos na fronteira do Brasil com o Paraguai.

O 23° Mutirão Nacional de Destruição de Mercadorias Apreendidas, que aconteceu nesta quarta-feira, contou com o apoio ABTA (Associação Brasileira de Televisão por Assinatura), por meio de um termo de cooperação, iniciado em 2016, para que esses equipamentos ilegais sejam inutilizados.

Um estudo realizado pela ABTA aponta que a pirataria de TV por assinatura provoca uma perda de R$ 9 bilhões por ano no Brasil, dos quais R$ 1,2 bilhão em impostos, que deixam de ser arrecadados pelos governos federal e estaduais.

Além disso, o furto de sinais de TV por assinatura ameaça milhares de profissionais que atuam neste setor. “Cerca de 150 mil empregos deixam de ser gerados em função da pirataria do audiovisual”, alertou Carlos André Moreira Chelfo, coordenador de Combate à Pirataria da Agência Nacional do Cinema (ANCINE).

Fonte:

Deixe seu comentário

Mais Lidas