Portal da Cidade Foz

educação

Alunos do Centro Universitário UDC vão participar de ações em conjunto com o PTI

Parceria entre as instituições foi formalizada na sexta-feira (01), com a assinatura de um termo de cooperação.

Postado em 02/11/2019 às 23:41 |

(Foto: Kiko Sierich)

O ambiente de pesquisa, desenvolvimento e inovação do Parque Tecnológico Itaipu (PTI) torna-se, a partir de agora, um novo espaço de aprendizado para os estudantes de diferentes cursos de graduação do Centro Universitário Dinâmica das Cataratas (UDC).

Um protocolo de intenções entre as duas instituições vai permitir o trabalho em conjunto dentro das temáticas de atuação do Parque: agronegócio, turismo e cidades, energia e segurança de infraestruturas críticas. Iniciativas na área de educação, como palestras, workshops e visitas técnicas, e no turismo, como a pesquisa de perfil e visitação dos atrativos da Itaipu, gerenciados pelo PTI, são exemplos de ações que serão iniciadas em breve. 

O diretor superintendente do Parque Tecnológico, general Eduardo Castanheira Garrido Alves, afirma que a parceria com a UDC está associada à reorientação do planejamento estratégico do PTI, de gerir um ecossistema de inovação, desenvolvendo ciência, tecnologia, inovação e negócios. 

“Essa parceria vai nos permitir estar mais próximos do ambiente acadêmico e é também uma oportunidade para sairmos um pouco do nosso entorno e nos aproximarmos da academia para desenvolver temas do interesse de ambas as partes”, afirma o diretor superintendente. 

Além de possibilitar aos alunos da universidade a oportunidade de conviver em um ambiente de pesquisa e desenvolvimento, como o Parque Tecnológico, Garrido afirma que ações como as que serão feitas no Complexo Turístico Itaipu “com certeza vão redundar em ganhos para a cidade de Foz do Iguaçu”, que tem a atividade turística como vocação. 

Para a reitora da UDC, professora Rosicler Hauagge do Prado, a assinatura do termo de cooperação com o PTI é “a realização de um sonho muito antigo”. “Estamos nos sentindo realizados, com os nossos acadêmicos prontos para mostrar os seus trabalhos, assim como nossos professores e coordenadores. É uma oportunidade para o nosso acadêmico mostrar o trabalho dele e adquirir maior experiência com algo mais próximo à realidade profissional”, destaca Rosicler. 

Parceria

A partir da formalização do Protocolo de Intenções, serão montados planos de trabalho para iniciativas em conjunto entre as instituições. Um deles prevê a realização de palestras, workshops e visitas técnicas para ambas as partes. As ações já serão iniciadas na próxima semana, quando o PTI participará do XII Congresso Internacional de Engenharia Civil da universidade com uma palestra sobre Desenvolvimento de Negócios. 

A pesquisa para o Complexo Turístico Itaipu tem início previsto para abril de 2020. Outra proposta é uma consultoria a ser feita pelos alunos de administração da UDC relacionada à política de qualidade do CTI, que vai permitir que os acadêmicos façam um diagnóstico e proposições para incrementar a gestão de qualidade dos atrativos.

Fonte:

Deixe seu comentário

Mais Lidas