Portal da Cidade Foz

policial

'Matrix' é expulso do Paraguai e entregue à Polícia Federal de Foz do Iguaçu

Traficante havia fugido de quartel em Assunção em dezembro de 2018 e foi recapturado na sexta-feira (8).

Postado em 11/03/2019 às 19:19 |

(Foto: Marcos Landim/RPC TV)

O traficante de drogas Thiago Ximenes, conhecido como “Matrix”, foi expulso pelo Paraguai para o Brasil na tarde desta segunda-feira (11). O brasileiro havia sido recapturado na sexta (8) por policiais do país vizinho em uma região próxima à fronteira.

"Matrix" vinha sendo procurado desde dezembro de 2018 quando da sede do Agrupamento Especializado da Polícia Nacional do Paraguai, na capital Assunção, com o também brasileiro Reinaldo Araújo, que acabou morto em um confronto com policiais na terça-feira (5).

Depois da fuga dos dois, 18 policiais foram presos por suspeita de cumplicidade com os criminosos.

Ximenes foi entregue a policiais federais por volta das 15h30 na aduana da Receita Federal da Ponte Internacional da Amizade, em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, na fronteira com Ciudad del Este.

Em seguida, ele foi levado para a Delegacia da Polícia Federal, que não informou para onde ele será transferido e nem quando.

Prisão e suspeito morto

Na sexta, o ministério do Interior do Paraguai, Juan Ernesto Villamayor, disse à imprensa local que "Matrix" foi pressionado a se entregar perto de Villa Ygatymí, no estado de Canindeyú, cerca de 2 km do local onde Araújo foi morto. A região é conhecida pelas grandes plantações de maconha.

Fonte:

Deixe seu comentário

Mais Lidas