Portal da Cidade Foz

Retenções

Receita Federal retém 7 ônibus com R$ 1,4 milhão em mercadorias irregulares

Um dos veículos foi abordado próximo ao pedágio na cidade de São Miguel do Iguaçu, já outros quatro, na cidade de Santa Terezinha de Itaipu.

Postado em 08/12/2021 às 14:58

(Foto: Divulgação/RFB)

(Foto: Divulgação/RFB)

Nesta terça-feira (7), os servidores da Receita Federal realizaram abordagens a diversos ônibus de turismo, que transportavam mercadorias com suspeita de irregularidades em sua importação. 

Um dos veículos foi abordado próximo ao pedágio na cidade de São Miguel do Iguaçu, já outros quatro, na cidade de Santa Terezinha de Itaipu, sendo três no posto da Polícia Rodoviária Federal. Um sexto veículo foi abordado na cidade de Foz do Iguaçu, escondido em um posto de combustível no Parque Imperatriz, onde tentava evitar a fiscalização. Na abordagem ao sétimo veículo, também ocorrida no posto da Polícia Rodoviária Federal, os servidores trabalharam em conjunto com a equipe do Denarc da Polícia Civil.

Nos ônibus foram encontrados eletrônicos, bebidas, brinquedos e mercadorias diversas, que não apresentavam notas fiscais ou quaisquer outros documentos que comprovassem a regularidade fiscal dos produtos. Estima-se o valor total em aproximadamente R$ 1,4 milhões.

Tanto as mercadorias quanto os veículos foram retidos e encaminhados à sede da Receita Federal em Foz do Iguaçu-PR. Durante a operação ninguém foi preso, mas serão enviadas representações fiscais ao Ministério Público para a apuração de ilícitos

A Receita Federal disponibiliza telefones de contato para denúncias, de forma anônima, por meio dos números (45) 9 9152-2036 e (45) 9 9134-0100.

Essa iniciativa está inserida no âmbito do Programa de Proteção Integrada de Fronteiras (PPIF), instituído pelo Decreto nº 8.903/2016, tem como diretrizes a atuação integrada e coordenada dos órgãos de segurança e de fiscalizações atuantes nas fronteiras, e como foco, o fortalecimento da prevenção, do controle, da fiscalização e da repressão aos delitos transfronteiriços, como contrabando, descaminho, tráfico de drogas, armas e medicamentos, entre outros.

Fonte:

Deixe seu comentário

Outras notícias

Mais Lidas