Portal da Cidade Foz

segurança

Secretaria Municipal de Segurança Pública recebe simulador de tiro virtual

Equipamento foi entregue nesta segunda-feira (11) pelo prefeito Chico Brasileiro.

Postado em 11/02/2019 às 19:07 |

(Foto: Divulgação/PMFI)

O prefeito Chico Brasileiro entregou nesta segunda-feira (11), à Guarda Municipal de Foz do Iguaçu, um moderno simulador de tiro virtual. O equipamento, de R$ 163 mil, foi adquirido pelo Município com emenda impositiva do vereador Rogério Quadros e recursos da Secretaria Municipal de Segurança Pública (SMSP).

“O simulador é uma ferramenta moderna, eficiente e muito contribuirá para o aperfeiçoamento dos nossos guardas municipais. Além de auxiliar no treinamento da GM, o equipamento estará à disposição de todas as forças policiais da nossa cidade”, comentou o prefeito Chico Brasileiro. 

O aparelho é composto por um Software que simula ambientes de tiro fixo e ambientes de tiro móvel; uma tela Dual Vision 180°(graus); câmera e sensor infravermelho capaz de captar os disparos realizados pelas pistolas; dispositivo para dois atiradores simultâneos e um mecanismo de ar comprimido com capacidade para 20 disparos. Ele conta com duas pistas, ou estande, de tiro fixo e 20 cenários simulando situações reais de confronto armado.

"É um equipamento de ponta e que vai auxiliar na segurança de toda a cidade. O simulador é um sonho de várias entidades policiais brasileiras, e nós, através da parceria entre o legislativo e executivo, conseguimos adquirir", comentou o secretário de segurança Reginaldo da Silva.

Cada atirador terá seu próprio histórico de tiro, para estabelecer um padrão de eficiência permitindo ao agente saber qual a qualidade do desempenho do seu disparo e consequentemente, melhorar seus treinamentos. Por ser um instrumento conectado a um computador, cada tiro efetuado poderá ser avaliado, situação difícil em um treinamento real. 

Economia  

Com o simulador de tiros virtual, a Secretaria de Segurança terá uma economia expressiva de munições e com o deslocamento dos guardas, já que hoje as aulas práticas ocorrem em um espaço no bairro Remanso Grande. A Polícia Federal exige que, cada agente público de segurança realize todos os anos, 80 horas de cursos, destas, 40 são referentes a armamento e tiro. 

Fonte:

Deixe seu comentário

Mais Lidas