Portal da Cidade Foz

política

Deputado de Foz do Iguaçu pede fechamento de fronteiras e socorro ao turismo

Soldado Fruet (PROS) encaminhou ofício solicitando o fechamento imediato das fronteiras com o Paraguai e a Argentina.

Postado em 17/03/2020 às 09:28 |

(Foto: Dálie Felberg/Divulgação)

Diante do aumento dos casos de COVID-19 no Brasil, o deputado estadual Soldado Fruet (PROS) encaminhou nesta segunda-feira (16) à Casa Civil do Governo Federal um ofício solicitando o fechamento imediato das fronteiras com o Paraguai e a Argentina. Enquanto ambos os países vizinhos já adotaram a medida, ainda não há restrição para que seus moradores cruzem as pontes Internacional da Amizade e Tancredo Neves e circulem por Foz do Iguaçu.

“Já é comum os estrangeiros desses países atravessarem a fronteira para buscar tratamento em nossos hospitais, mas agora, onde nem leitos para atender os doentes da dengue nós temos, onde o risco do coronavírus nos exige alerta total e reserva de leitos de isolamento nos hospitais, não podemos mais ser gentis vizinhos, precisamos primeiro cuidar dos nossos”, justificou o Soldado Fruet, em discurso na Assembleia Legislativa do Paraná, em que também cobrou da União liberação de recursos para socorrer o turismo neste momento de pandemia do coronavírus.

Turismo - “Em Foz do Iguaçu, o turismo ´morreu´, hotéis e comerciantes estão desesperados com a crise, teme-se pelo desemprego e pelos calotes”, apontou o deputado que é presidente da Comissão de Turismo da Assembleia. O deputado Soldado Fruet pede que a bancada federal interceda junto ao Governo Federal pela abertura de linhas de crédito especiais ao turismo. “São milhares de empregos no Paraná, são bilhões em faturamento e bilhões em impostos gerados. Não podemos deixar esse setor desamparado no momento em que enfrenta sua pior crise nas últimas décadas”, argumentou.

O Soldado Fruet ressaltou que, em Foz do Iguaçu, o quadro está agravado pela dengue, que já acometeu milhares de pessoas. Em função da falta de estrutura e de leitos para combater a doença, o deputado sugeriu ao Ministério da Defesa a instalação de um hospital de campanha na cidade. “As Forças Armadas podem atuar e ajudar a conter essa crise”, defendeu.

Fonte:

Deixe seu comentário

Mais Lidas