Portal da Cidade Foz

Corredor Turístico

Deputado Vermelho cobra agilidade na duplicação da Rodovia das Cataratas

De acordo com o Departamento de Estrada e Rodagem (DER), o edital de licitação deverá ser publicado ainda neste mês de novembro.

Postado em 09/11/2021 às 17:33 |

Lançamento da pedra fundamental com as presenças de Bolsonaro e Ratinho em agosto de 2020. (Foto: Christian Rizzi/Arquivo)

Matheus Vermelho com o general Ferreira e o deputado federal Vermelho. (Foto: Divulgação)

No início desta semana o deputado federal Vermelho cobrou do governo do estado a agilização do processo licitatório para duplicação da BR-469, entre o trevo do Carimã ao portão do Parque Nacional do Iguaçu, em um trecho de 8,7 quilômetros.  

“A retomada do turismo está acontecendo e a duplicação dessa rodovia é de extrema importância para agilizar o trânsito, aumentar a segurança e evitar os congestionamentos que ocorriam antes da pandemia, notadamente nos feriados prolongados”, disse o deputado. 

Vermelho recorda que em agosto de 2020 o presidente Bolsonaro esteve em Foz para o lançamento da pedra fundamental. No mês seguinte foi assinada a parceria entre Itaipu e o Governo do Estado, que ficou encarregado da licitação e execução da obra. “Já passou mais de um ano e o edital ainda não saiu. Precisamos agilizar isso”, diz o deputado.

 “Essa obra também está alinhada com a estratégia do governo federal de incentivar investimentos que vão contribuir com a recuperação da economia no cenário pós-pandemia de covid-19”, acrescentou Vermelho. 

O projeto final foi entregue ao secretário Sandro Alex pelo presidente do Fundo Iguaçu, Enio Eidt, em 2 de junho último na Itaipu Binacional. Vermelho obteve a informação de que o Departamento de Estrada de Rodagem (DER) deverá publicar o edital de licitação ainda este mês. 

Visita a Itaipu

No mês passado Vermelho esteve em audiência com o general João Francisco Ferreira, diretor geral da Itaipu, juntamente com seu filho e coordenador político, Matheus Vermelho. Na oportunidade foram tratados diversos assuntos de interesse regional, inclusive a duplicação da BR-469.

O general Ferreira recordou que o processo licitatório e a execução da obra estarão a cargo do Governo do Estado. Para ele, a duplicação vai garantir um novo status para o turismo da região. “Além de um corredor turístico mais bonito e seguro, Foz do Iguaçu estará ainda mais bem preparada para atender nossos visitantes”, afirmou. 

Obra terá viaduto, ponte elevada e trincheiras 

A duplicação Rodovia das Cataratas abrange os 8,7 km de extensão, com um custo total de 139,4 milhões, sendo quase a totalidade (R$ 136,3) bancada por Itaipu – ficando a diferença para o governo do Paraná. 

O projeto executivo da obra prevê, além da segunda pista, a construção de um viaduto, três trincheiras, uma ponte elevada (sobre o rio Tamanduá), duas passarelas de pedestres, dois pontos de passa-fauna e uma rotatória em nível. Também estão previstas pistas marginais em toda a extensão, assim como uma ciclovia bidirecional compartilhada e paisagismo.

O diretor-geral do Departamento Estadual de Estradas de Rodagem (DER), Fernando Furiatti Sabóia, disse que o projeto é de excelência. Garantiu que o edital já está pronto “para ser lançado e, em breve, teremos também uma obra de excelência”, completou.

Fonte:

Deixe seu comentário

Outras notícias

Mais Lidas