Portal da Cidade Foz

Política

Vereadores de Foz estreitam diálogo com deputado eleito Soldado Fruet

Infraestrutura, mobilidade, saúde, educação e segurança pública foram os assuntos abordados.

Postado em 10/10/2018 às 20:04 | Atualizado há 4 dias às 20:11

(Foto: Reprodução/Internet)

O deputado estadual eleito, Soldado Marcos Fruet, foi recebido nesta terça-feira (10) pelos vereadores no plenário da Câmara Municipal de Foz do Iguaçu. Nessa primeira conversa, o objetivo foi de estreitar o diálogo já pensando em ações conjuntas em projetos de interesse do Município na esfera estadual. Dentre os assuntos abordados estão infraestrutura, mobilidade urbana, reforço financeiro para a saúde, investimentos em educação e melhorias na segurança pública.

Apresentado aos demais vereadores pelo presidente da Câmara, Rogério Quadros, o deputado eleito parabenizou o Legislativo pela iniciativa de unir forças. “Não estarei sozinho na Assembleia Legislativa, e sim, primeiramente com a força de Deus que me deu esse propósito e também com vocês vereadores e com o povo de Foz do Iguaçu. Vou honrar dignamente cada voto que recebi”, afirmou.

Rogério Quadros agradeceu a presença de Fruet afirmando que a Câmara está de portas abertas e todos os vereadores empenhados no trabalho de recuperação da cidade. “Essa luta é de todos. Por isso, o propósito de unirmos forças desde já para buscarmos juntos as melhorias que a cidade precisa. Sozinho não se consegue dar conta. O trabalho é conjunto”, lembrou.

Além do presidente, o deputado eleito recebeu as boas vindas dos vereadores Tenente-Coronel Jahnke, Celino Fertrin, Adenildo Kako, João Miranda, Inês Weizemann e Rosane Bonho.   

Projetos de mandato

Durante a reunião com os vereadores, Soldado Fruet detalhou propostas que defendeu durante a campanha como implantação de um colégio militar em Foz do Iguaçu; criação de clínica de recuperação para dependentes químicos; apoio jurídico aos policiais militares; e programa que incentive os empresários a recrutar jovens e adolescentes “abrindo oportunidade para que eles trabalhem, tenham uma profissão. Também vão poder trabalhar em um período e em outro fazer curso técnico oferecido pelo Estado”.

Na opinião de Fruet, “todos estamos aqui com um único objetivo, que é melhorar as condições de vida da população. Conhecemos os problemas e vamos em busca das soluções. Podem ter certeza que vocês terão lá em Curitiba um guerreiro. Defenderei tudo que for bom para o povo e também vou bater contra aquilo que for prejudicial. Não vou deixar que façam mal à nossa cidade e ao nosso povo”.

Viadutos, trincheiras e pedágio

Os vereadores Inês Weizemann e Celino Fertrin abordaram problemas como engarrafamento no trevo do Charrua e outros pontos críticos na BR-277 que precisam de soluções e dependem do Estado. O viaduto na Costa e Silva está viabilizado, devendo o desenrolar das obras ser acompanhado de perto e que estejam asseguradas como compromisso do novo governo que assume em janeiro.

Quanto ao trevo do CTG Charrua, Inês levantou o alerta de que o DER, em resposta a requerimentos dos vereadores feitos à concessionária, anunciou que pretende fechar a travessia da BR naquele ponto, mantendo apenas as vias laterais (marginais). Fruet tomou conhecimento da situação e adiantou que vai sim verificar o caso tão logo assuma o cargo.

Celino abordou a questão do pedágio, alvo de reclamações de usuários em razão de preço alto e carências de investimentos como duplicação e construção de obras para segurança de motoristas e pedestres. “No trecho de Foz a Três Lagoas são 12 pontos críticos. Outros municípios tem viadutos, passarelas, trincheiras e Foz não tem nada. Com muito custo vai ser instalado o da Costa e Silva”, apontou.

Fruet respondeu que é contra a renovação do pedágio nas rodovias porque não se vê o retorno necessário. “Quanto às obras e até mesmo melhorias para outras áreas como da segurança pública, isso é questão de representação e força lá no governo. Tem ainda o problema de quem se elege deputado querer vir a prefeito. Eu penso diferente. O meu povo me elegeu deputado e serei deputado nos quatro anos,” ressaltou.

Experiência militar

O vereador Tenente-Coronel Jahnke saudou o deputado  eleito como colega de farda. Janke foi militar bombeiro por 35 anos e comandou o Grupamento de Foz do Iguaçu. “Tenho certeza que o colega fará um excelente trabalho buscando melhorias em diversas áreas como na segurança pública, setor que conhece muito bem as necessidades. Vai poder aplicar na atuação parlamentar a experiência que adquiriu como policial militar de destaque. Esta legislatura estará atuando em conjunto nessa missão”, assegurou Jahnke.

Fonte: Assessoria

Deixe seu comentário