Portal da Cidade Foz

balanço

Operação Muralha apreendeu R$ 8 mi em produtos durante 15 dias de fiscalização

Balanço parcial foi divulgado nesta quarta-feira (29) pela Receita Federal.

Postado em 29/05/2019 às 18:55 |

(Foto: Divulgação / Receita Federal)

Os resultados foram bastante expressivos nestes primeiros 15 dias de operação, segundo nota divulgada pela Receita Federal. As apreensões ultrapassam 8 milhões de reais no Paraná e em Mato Grosso do Sul. As atividades de fiscalização realizadas no âmbito da Operação Muralha vêm atingindo o objetivo de fortalecer o Estado, por meio da integração entre a Receita Federal e as instituições parceiras, no combate aos crimes de fronteira, elevando a percepção de risco e a presença fiscal em toda região de fronteira do Brasil com o Paraguai.

No período de 13 a 27 de maio, que corresponde aos primeiros quinze dias da Operação Muralha, as atividades na região oeste do Paraná foram realizadas principalmente nas duas barreiras de fiscalização instaladas próximo à praça de pedágio situada no município de São Miguel do Iguaçu e na PR-163 em Guaíra. Além disso, foram fiscalizadas estradas secundárias da região. No Mato Grosso do Sul, o trabalho foi desenvolvido por equipes volantes que fiscalizaram toda a região de fronteira.

Os resultados obtidos nestas primeiras duas semanas foram bastante expressivos, tendo sido apreendidos até o momento: mais de 700 mil maços de cigarros; 749 unidades de medicamentos e anabolizantes; 9,7 kg de maconha; 48 veículos e aproximadamente R$ 8 milhões em mercadorias.

O maior destaque fica por conta dos mais de 8 milhões de reais em mercadorias apreendidas. O valor se deve à grande quantidade de eletrônicos, principalmente produtos de informática e celulares de alto valor, que foram apreendidos nestas duas semanas.

A Operação Muralha iniciou sua primeira fase em 2019, no dia 13 de maio. As ações estão sendo desenvolvidas pela primeira vez em duas barreiras de fiscalização fixas na região oeste do Paraná, uma na praça de pedágio de São Miguel do Iguaçu e outra na PR-163 em Guaíra. Além disso, nessa edição, a Operação se estende ao Mato Grosso do Sul por meio de equipes volantes que fiscalizarão toda a faixa fronteiriça. A Operação Muralha acontecerá por período indeterminado.

Fonte:

Deixe seu comentário