Portal da Cidade Foz

saúde

Prefeitura implanta novo sistema para agendar consultas, exames e cirurgias

Servidores estão sendo capacitados para gestão do novo sistema que inicia o funcionamento neste mês.

Postado em 19/08/2019 às 22:37 |

(Foto: Divulgação / PMFI)

A Secretarias de Saúde (SMSA) e Tecnologia da Informação (SMTI) estão avançando na implementação do RP, o novo sistema de cadastramento online que vai proporcionar agilidade aos usuários, especialmente para agendamentos de consultas, exames e cirurgias. 

Os servidores que irão gerenciar o sistema nas unidades básicas de saúde estão em fase de conclusão dos treinamentos. O RP deve entrar em funcionamento na rede pública de saúde nas próximas semanas. “Este é mais um dos grandes avanços da gestão pública municipal, que integra a tecnologia à execução dos serviços e vai proporcionar eficiência e comodidade aos usuários”, ressaltou o vice-prefeito e secretário de saúde Nilton Bobato. 

O RP substituirá o antigo “Saúde Foz”, primeiro e único sistema implantado pela prefeitura desde 2008. A nova plataforma integra toda a rede pública de saúde: urgência e emergência, atenção básica e assistência especializada. Todas as informações do usuário, a exemplo do prontuário e encaminhamentos, estarão disponíveis aos profissionais de saúde. 

Com a implantação do sistema, os usuários poderão acompanhar a posição na fila pela internet, que ficou inativa durante o período de transição das plataformas. Além de atender a um anseio da comunidade, o RP implementa os novos fluxos de encaminhamentos na saúde. 

No novo sistema, o agendamento será feito por especialidade médica, e não por profissional, como é feito hoje, visando atender de forma mais eficaz a demanda. Uma fila por especialidade, de acordo com a sequencia dos agendamentos, chegará aos profissionais disponíveis na rede. Também está prevista implantação de um aplicativo no celular que possibilitará o acompanhamento online da consulta e da verificação da ordem dos pedidos. 

Treinamento

Nas últimas semanas, a Secretaria intensificou as capacitações aos agentes comunitários de saúde, que serão os multiplicadores dos treinamentos nas UBSs. As aulas estão acontecendo no prédio da Unila, no Jardim Universitário. “Estamos capacitando os ACSs que constituem a base do sistema de saúde e tem maior disponibilidade para realizar o treinamento. Eles serão os profissionais de referência nas unidades básicas de saúde para tirar dúvidas e transmitir o conhecimento aos demais servidores”, explicou o gerente de serviços técnicos da saúde, André Britto. 

Ao longo do processo de implantação do sistema, centenas de servidores já passaram por treinamentos com vistas a garantirem o funcionamento da nova plataforma.

Fonte:

Deixe seu comentário