Portal da Cidade Foz

retidos

Mais de 50 paraguaios são impedidos de entrar no país pela Ponte da Amizade

A maioria dos paraguaios trabalhavam no Brasil, perderam o emprego e esperam autorização para entrar no país.

Postado em 09/04/2020 às 23:25 |

(Foto: Divulgação/Marinha Paraguaia)

Um grupo de 51 paraguaios foi retido na Ponte Internacional da Amizade nesta quinta-feira (09). Segundo dados oficiais, existem 36 homens e 15 mulheres, destes, 16 são menores de idade e cinco deles têm menos de 10 anos.

De acordo com o Última Hora, a maioria deles são paraguaios que vieram de diferentes partes do Brasil, principalmente trabalhadores que perderam o emprego devido a pandemia do coronavírus.

Segundo a Polícia Nacional, os paraguaios estão aguardando autorização do governo parados na faixa de pedestres da Ponte da Amizade, que desde quarta-feira instalou uma porta de metal para bloquear, justamente, pessoas que desejam entrar no país. 

Todos estão sendo assistidos com alimentos e água pela Marinha do Paraguai, encarregada da segurança na área de fronteira. Se liberados, os paraguaios irão para um abrigo temporário instalado em um dos galpões pertencentes à Administração Nacional de Navegação e Porto (ANNP).

Fonte:

Deixe seu comentário

Outras notícias

data-matched-content-ui-type="image_stacked" data-matched-content-rows-num="2" data-matched-content-columns-num="3">

Mais Lidas